Avião sem piloto bate recorde no ar


Foto: n.i.

Avião sem piloto bate recorde no ar

Jornal de Noticias – 24/07/2010
Chama-se Zephyr e esteve 14 dias e 21 minutos a voar, sem piloto. Trata-se de um avião ultraleve movido a energia solar que acaba de bater o recorde mundial de voo ininterrupto.

O Zephyr pesa 50 quilos, é de fabrico britânico, tendo sido desenvolvido pela empresa Qinetiq. Ao fim de 14 dias de voo, a sua viagem foi propositadamente interrompida. “O Zephyr é, basicamente, o primeiro avião eterno”, afirmou Jon Saltmarsh, gestor do projecto. E acrescentou: “Trata-se de um sistema prático que pode realmente ser usado, muito mais do que uma simples demonstração de pequenas conquistas técnicas”.

Construído em fibra de carbono, o avião funciona graças a painéis solares fixados nas asas, que captam a energia durante o dia e a acumulam numa bateria para voar durante a noite.

Este tipo de equipamento deverá ter uma ampla gama de aplicações. Os militares querem usá-lo em aparelhos de reconhecimento e comunicações. E programas científicos e de pesquisa poderiam usar os aviões para tarefas de observação.

Uma das grandes vantagens do avião é a capacidade de voar sobre um mesmo lugar. Satélites de baixa altitude passam rapidamente sobre um local, e aviões tradicionais operados à distância precisam de retornar à base para serem reabastecidos.

O Zephyr parece resolver esse problema. As células solares impulsionam as hélices durante o dia e são carregadas pelo sol, possibilitando o voo nocturno. Um piloto automático mantém o avião a circular sobre o mesmo lugar.

A última versão do Zephyr é 50% maior do que as anteriores. A nova nave tem uma envergadura de asa de 22,5 metros. Também possui uma configuração maior do corpo principal para acomodar mais equipamento.E a equipa actualizou o sistema de gerenciamento de energia.

O recorde mundial de permanência no ar era de 30 horas e 24 minutos, obtido pelo robot norte-americano Global Hwak. O Zephyr já havia voado antes durante 83 horas, mas os delegados da Federação Aeronáutica Internacional não estavam presentes para testemunhar os procedimentos.

Corrida pelos aviões solares

A corrida pelos aviões solares está acirrada. Em Junho, o suíço André Borschber tornou-se a primeira pessoa a pilotar um avião solar durante a noite. “Estamos maravilhados com a ‘performance”, disse o gestor do projecto do Zephyr, Jon Saltmarsh. “É o culminar do esforço de muitos anos por um grande número de cientistas e engenheiros realmente talentosos”, explicou à BBC News.

Um outro avião movido apenas a energia solar, o Solar Impulse, dará a volta a volta ao Mundo em 2011. Foi apresentado, em Lisboa, em Outubro passado. Construído com materiais leves e resistentes, capazes de suportar pressões a grandes altitudes, o Solar Impulse é uma iniciativa do suíço Bertrand Piccard que, em 1999, completou uma volta ao Mundo num balão de ar quente.

Fonte: http://jn.sapo.pt/Domingo/Interior.aspx?content_id=1626238

 

As informações oferecidas neste blog não representam necessariamente a opinião do Instituto Sul-Americano de Política e Estratégia. O conteúdo veiculado é de inteira responsabilidade do autor.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s