Chile e Peru dizem aceitar decisão de Haia sobre disputa marítima


Imagem: n.i.

Chile e Peru dizem aceitar decisão de Haia sobre divergência marítima

Opera Mundi – 10/10/2012

Os ministros da Defesa do Chile, Andrés Allamand, e do Peru, Pedro Cateriano, anunciaram formalmente que seus países irão respeitar a decisão da Corte Internacional de Haia, sobre a disputa marítima entre os dois países, contestada pelo governo de Lima.

“Nos comprometemos a aceitar a determinação da Corte de Haia e a trabalhar em conjunto pelo desenvolvimento e progresso de nossos povos e países”, declararam os ministros durante a 10ª Conferência de Ministros da Defesa da América, realizada no Uruguai.

Em dezembro, ambos os países apresentarão seus argumentos à Corte Internacional de Haia, na Holanda. A decisão definitiva, porém, será anunciada no primeiro semestre de 2013.

Segundo o ministro Cateriano, durante o encontro no Uruguai “foi ratificado” o desejo dos governos de Sebastián Piñera e Ollanta Humala de “respeitar” a decisão da Corte de Haia.

Allamand destacou também que o Chile e o Peru estão “comprometidos com a democracia e os tratados de direito internacional”. “Há uma divergência entre nossos países, que será solucionada pelo tribunal de Haia”, disse.

A disputa gira em torna sobre a soberania de uma área de 37.99 quilômetros quadrados no Oceano Pacífico, na fronteira entre os dois países.

Fonte: http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/24798/chile+e+peru+dizem+aceitar+decisao+de+haia+sobre+divergencia+maritima.shtml

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s