As oscilações da inserção internacional do Brasil no século XXI


O professor Amado Luiz Cervo, em artigo publicado na revista Mundorama no início do mês (02/12), analisa as oscilações da inserção internacional do Brasil no Século XXI sob o paradigma logístico. De economia emergente e com rumo a uma maturidade sistêmica, o Brasil recuou para a situação de afastar investimentos internos e externos. O autor conclui que há uma necessidade de novas teorias que correspondam aos interesses de países emergentes e a demanda por novas categorias análiticas.

Foto: CEBRI.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s