A questionável política de refúgio da Alemanha


Em comentário no jornal junge Welt, Jörg Tiedjen critica a atual política de concessão de refúgio da Alemanha, que considera que Marrocos, Tunísia e Argélia, entre outros, são Estados seguros e, portanto, não se concede o status de refugiado a cidadãos oriundos destes. O autor nota que a Alemanha e demais países da União Europeia fazem vista grossa para as graves violações de direitos humanos e perseguições que ocorrem especialmente no Marrocos.

Foto: Reuters / Stringer.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s