A nova “diplomacia de crise” da China


Luke Patey analisa, em artigo publicado na ISN (26/01), a nova “diplomacia de crise” da China. Com o aumento de seus interesses pelo mundo, como investimentos diretos, o país vem tomando maiores iniciativas em crises pelo mundo, especialmente na África e no Oriente Médio. O envolvimento de Pequim se mostra principalmente com a diplomacia na resolução de conflitos e com maior envolvimento com missões de manutenção da paz.

301095573_a14f614fc0_o

Foto: Mohamed Somji.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s